Textos


A cada gota de felicidade
feito água benta espalhada
pela alma que julguei inconsolada...
desenho um sorriso humilde
mas grato.

Trago em mim a semente do que fui
A voz do meu pai em ondas atemporais...
minha mãe ainda a me buscar na escola
relatividade e paz.

E caso queiram roubar-me a humanidade
assegurada pela fé no que guardei
na alma, memória, coração
ou em algum universo que nem sei...

Não me vencerão!
Meu Salmo é canto de confiança
pois se tragado sou por tempestades
navego eu mesmo minha bonança

 
alexandre gazineo
Enviado por alexandre gazineo em 03/05/2020
Alterado em 03/05/2020


Comentários