Textos


A precisa ciência do navegante
é superar o insidioso perigo
de súbito enfim naufragar
abatido pela ânsia do instante.

E não há quem no mar não enfrente
a tormentosa estratégia da calmaria...
Vai-se da alma toda força, energia
e queda morta a linha do horizonte...

Posto que ilusão sempre distante
a esperança de uma certa finitude...
a precisa ciência do navegante nos orienta
a alcançar a temporária paz do continente.
alexandre gazineo
Enviado por alexandre gazineo em 26/09/2019


Comentários