Textos



                                                              Sempre para Cris

Ah!
Queria ter em mãos o poder
De um super-heroi dos quadrinhos
Para te fulminar com um raio
Azul, suave, puro carinho
E te fazer pequenina
Na palma da minha mão.

Assim
Eu te teria sempre perto
Sorrindo, como rosa aberta
Todas as petálas
Do seu coração.

Queria ser bravissímo cowboy
Solto pelas planícies inconquistadas
Para te prender, certeira laçada
Em plena corrida desabalada.

Mas não temas, logo te faria livre
Entregue aos campos e às montanhas
Apenas teu beijo eu enlaçaria
Em noites e dias de alegria.


Queria cruzar o universo,
Capitão de alguma Enterprise sideral
Para te ofertar lua, planetas, galáxias
Onde serias Sol
De brilho sem igual.

Mas sou apenas homem
Vivendo neste planeta comum
Mas, divina graça!...
Aqui, nossa vida vai e passa
Somos dois sendo sempre um.
 


 
alexandre gazineo
Enviado por alexandre gazineo em 07/08/2008
Alterado em 31/10/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Alexandre Gazineo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários